sexta-feira, 4 de fevereiro de 2011

Ménage do capeta


Nove em cada 10 homens deseja dividir a cama (sofá, mesa, bancada, tapete, relva ou areia) com uma dupla de fêmeas. O amigo desta breve história era diferente. A sua fantasia envolvia ele, uma garota e outro homem.

― Pensa bem: quando tu tás com duas raparigas, tás submisso a elas. Elas que comandam a cena. Agora se tiveres em dois, a mulher é que fica submissa! Mas tem de ser um amigo, também não é assim...

A ideia soava grotesca. Grotesca e perniciosa. Soava e sempre soaria. Ele tinha tudo bem claro quando o assunto era sexo a três: duas mulheres ou nada. Colocar um homem no esquema desanimava-o solenemente. Seja amigo ou inimigo. Estranho ou conhecido.

Nenhum comentário: